A ROMAQ desenvolve diversos projetos de pistões forjados, em diversos níveis de complexidade. A ROMAQ fabrica pistões forjados para uso em motos de rua, veloterra, motocross, trilha, arrancada, freestyle, entre outras.

A diferença entre um Pistão forjado e um pistão fundido está no fato de que as peças feitas pelo processo de fundição (onde o metal derretido é derramado em moldes) resultam em peças menos resistentes devido a presença de espaços entre as moléculas do metal. A vantagem do processo de fundição é o barateamento de custos e a velocidade de produção das peças.

No processo forjado o metal não é derretido e despejado em moldes, e sim aquecido e comprimido fortemente no formato desejado. Isso assegura uma maior resistência à peça. Nos caso dos pistões forjados ROMAQ, a vantagem do forjado é justamente suportar maiores pressões e temperaturas que os pistões fundidos. Por isso, em motores de competição e motores preparados sempre se dá preferência às peças forjadas ROMAQ.